top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Trânsito pela estrada no desvio entre Humaitá e Sede Nova é bloqueado devido à cheia de rio


O elevado acumulado de chuva provoca transtornos no interior de Humaitá. De acordo com a Secretaria Municipal de Obras, os principais estragos se concentram nas estradas das localidades de Pescador e Perdidas. Nas demais também houve danos, porém de forma mais pontual. Durante a semana, a secretaria mobilizará esforços para desobstruir passagens e consertar os estragos.


Na tarde deste domingo (29), o tráfego pela estrada na localidade de Linha Wolf acabou interrompido às margens do lajeado Grande. A cheia do rio bloqueou o trânsito pela via utilizada como desvio para quem se desloca entre Humaitá e Sede Nova. A estrada principal está interditada para obras de asfaltamento.


Uma das alternativas para o trajeto entre as duas cidades é a estrada pela localidade de Indústrias Frizzo; a passagem sobre a ponte de Linha Krupp está liberada. Outra alternativa é o trecho que passa pelas localidades de Linha Schwade e Esquina Funghetto.


Buracos de grande porte se abrem ao lado da estrada que liga Humaitá e Boa Vista do Buricá


Motoristas também devem ter atenção ao transitarem pela RSC-472, trecho de estrada de chão que interliga Humaitá e Boa Vista do Buricá. Buracos de grande porte se abriram ao lado da estrada nas proximidades da passagem sobre o lajeado Pescador. O rio passa por baixo da estrada através de tubos. Segundo a Secretaria Municipal de Obras, o Município tem planos de futuramente construir um pontilhão no local a fim de aumentar a vasão da água.


Pontes ficaram bloqueadas; cratera se abriu junto à ponte na divisa entre Humaitá e Nova Candelária


Na tarde deste domingo, não havia passagem sobre as pontes que interligam as localidades de Lajeado Curvo, em Humaitá; Esquina Torquist, em Crissiumal; e Alto Herval Novo, em Três Passos. O ponto é onde o lajeado Curvo se encontra com o lajeado Grande.


À tarde, havia passagem sobre o lajeado Reúno na estrada que liga Humaitá a Nova Candelária, porém até o período da manhã a ponte estava submersa. Próximo dali, uma cratera se abriu na cabeceira da ponte sobre o lajeado Magro, na divisa entre Duas Pontes, em Humaitá, e Santa Lúcia, Nova Candelária; o tráfego no local foi interrompido.


Seguia inundada nesta tarde também a ponte sobre o lajeado Magro, na divisa entre as localidades de Sanga Freitas, em Humaitá, e São Miguel, Nova Candelária. Acabou bloqueada ainda a estrada que liga Sanga Freitas e Pescador, às margens do rio.



Fonte: Rádio Alto Uruguai

Fotos: Thomás Silvestre/Rádio Alto Uruguai



432 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page