redefort supersacolao.jpg
banner p.o.jpg
banner-hanauer-PO.png
viatec.png
rm-energia.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
peixoto_instaladora.png
mecaninca jaime 1000x250.jpg
sicredi.jpg
WS ESCAVAÇÕES 1000x250.jpg
loterica 1000x250 (2).jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg

Tempo médio de duração dos casamentos no Brasil cai para 13 anos


O tempo médio de duração de um casamento antes do divórcio caiu no Brasil de quase 16 anos (15,9) em 2010 para pouco mais de 13 anos (13,3) em 2020, mostram os dados das Estatísticas do Registro Civil – Divórcios 2020, divulgados nesta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


Sul e Nordeste são as regiões do País em que os casamentos mais duram antes de chegar no seu fim. Em 2020, esses números eram de 14,7 anos e 14,2 anos, respectivamente. Por outro lado, o tempo médio de duração de um casamento antes do divórcio fica na faixa dos 12 anos nas demais regiões: 12,3 anos no Centro-Oeste, 12,4 anos no Norte e 12,9 anos no Sudeste.


“Apesar de serem regiões tão diferentes, o Sul e o Nordeste se assemelham em relação aos divórcios neste aspecto do tempo médio do casamento”, diz a gerente de Estatísticas do Registro Civil do IBGE, Klívia Brayner de OIiveira.


Na análise por Estados, o Acre foi aquele com o menor tempo de duração de um casamento antes do divórcio pelos dados referentes a 2020, de 9,2 anos. Foi a única entre as 27 unidades da federação com menos de dez anos de média. Por outro lado, o Rio Grande do Sul, na outra ponta do País, foi aquele com a maior média, de 16,1 anos.


Em 2020, quase metade (49,8%) dos divórcios realizados em 2020 foi entre pessoas que foram casadas por menos de dez anos. Em 2010, essa parcela era bem menor, de 37,4%. Na outra ponta, a participação dos casamentos com duração de 20 anos ou

mais no total de divórcios no País caiu de 36% em 2010 para 26,1% em 2020.


Na comparação entre 2010 e 2020, a idade média das mulheres no momento do divórcio avançou de 39,4 anos para 40,1 anos. O aumento também foi observado entre os homens, cuja idade média passou de 42,6 anos em 2010 para 43,1 anos em 2020.


Na análise por Estados, a maior idade média entre as mulheres foi observada no Rio Grande do Sul, de 42,6 anos em 2020. No caso dos homens, também foi o Rio Grande do Sul que registrou a maior idade média, de 45,7 anos..


Fonte: Jornal O Sul

Foto: ilustrativa


471 visualizações0 comentário