redefort supersacolao.jpg
banner p.o.jpg
banner-hanauer-PO.png
viatec.png
rm-energia.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
peixoto_instaladora.png
mecaninca jaime 1000x250.jpg
sicredi.jpg
WS ESCAVAÇÕES 1000x250.jpg
loterica 1000x250 (2).jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg

MTG emite nota de repúdio sobre o projeto que visa proibir os rodeios no RS


O Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul, associação civil de direito privado, atualmente conta com mais de 1700 entidades filiadas, das quais muitas delas são dedicadas exclusivamente à área campeira, origem e esteio do Movimento Tradicionalista Gaúcho organizado.


Em seus 56 anos de existência, o MTG e suas entidades filiadas promoveram incontáveis Rodeios, Torneios e Festas Campeiras, todos baseados na Origem da Cultura do Tiro de Laço e nos costumes do Homem do Campo, prezando sempre pelo bem-estar e pelo respeito aos animais, tendo o cavalo como seu trono e o bovino como parte integrante da cultura, do lazer e da economia do nosso estado.


Desta forma, o Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul, neste ato, vem a público repudiar o Projeto de Lei de autoria do Deputado Rodrigo Maroni que objetiva proibir, no âmbito do estado do Rio Grande do Sul, a realização de rodeios, sob a justificativa de que, na realização desses eventos, os animais são submetidos a situações ultrajantes de crueldade e tortura, sendo que tais práticas nunca foram admitidas nos eventos promovidos pelo MTG e por suas entidades filiadas, consistindo a justificativa do parlamentar em um argumento falacioso que só demonstra o desconhecimento da cultura, dos valores e dos ideais do homem do campo, cultivados e preservados pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul na promoção dos eventos campeiros.


Porto Alegre, 05 de maio de 2022.


José Nicanor Castilhos de Oliveira

Vice-Presidente Campeiro do MTG/RS

Foto: divulgação


MTG

412 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo