top of page
cresol.jpg
IPTU 2024 - BANER PORTEL ON LINE.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg
oeste pneus.jpg

Granizo de grande tamanho cai na região de Buenos Aires


Fortes tempestades de granizo atingiram na madrugada desta terça-feira a área metropolitana da cidade de Buenos Aires. As pedras de gelo tiveram grande tamanho em alguns pontos. O pior do temporal no chamado “conurbano” da capital argentina se deu no Oeste da Grande Buenos Aires.

Imagens publicadas em redes sociais mostraram pedras de gelo do tamanho de bolas de tênis em algumas localidades da Grande Buenos Aires. Foi o segundo temporal forte de granizo na região em menos de uma semana depois de três anos seguidos de pouca atividade de tempo severo, sinalizando uma mudança de padrão climático por conta do fenômeno El Niño. O Serviço Meteorológico Nacional de Argentina (SMN) havia emitido um aviso de tempestades para a Grande Buenos Aires ainda na segunda-feira e pouco antes da tempestade ocorrer o SMN reforçou o alerta com um aviso de curto prazo de tempestade severa de vento e granizo.


O Aeroporto Internacional de Ezeiza, na Grande Buenos Aires, e o Aeroparque, na capital argentina, reportaram chuva forte com raios e rajadas de vento, mas o vendaval não foi forte na maioria dos pontos da Grande Buenos Aires. A incidência mesmo foi maior de granizo.


A pressão atmosférica caiu a valores extremamente baixos e raros de se observar na capital da Argentina. O Observatório Central de Buenos Aires, em Villa Ortúzar, onde está instalada a estação meteorológica oficial da cidade do SMN, reportou pressão de apenas 992,5 hPa às 2h da manhã. Pressão atmosférica tão baixa é rara na capital argentina e ajuda a explicar o temporal com pedras de granizo de elevado diâmetro na região. A instabilidade forte avança agora pelo Uruguai no decorrer desta terça com chuva localmente forte a intensa, granizo de variado tamanho e risco de vendavais isolados.


Ao longo do dia, o tempo melhora no Sul uruguaio, na área de Montevidéu, com o tempo severo se deslocando para o Nordeste do país em áreas próximas do Rio Grande do Sul.


Fonte: MetSul Meteorologia

Foto: Redes Sociais


242 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page