top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Suspeito de provocar incêndio que matou médico em casa é preso em Erechim

A Polícia Civil prendeu temporariamente um homem de 26 anos suspeito de atear fogo na casa do médico Gabriel Basso de Moura, 32, em Erechim, no domingo (26). Moura morreu no local.


O suspeito foi preso na sua casa, no centro da cidade, na manhã desta segunda-feira (27). Ele era enfermeiro de formação, mas trabalhava em uma empresa metalúrgica do município. Conforme a investigação, o suspeito estava na residência do médico, na Rua Wladyslaw Krepinski, no bairro Atlântico, quando as chamas começaram, por volta das 3h.


Evidências indicam que o enfermeiro ateou fogo na casa. O homem disse à polícia que teria usado drogas e estava em surto psicótico. Ele conseguiu sair do interior da residência. O corpo de Moura foi localizado em meio aos escombros na manhã seguinte, pelo Corpo de Bombeiros.


Além de Moura, os pais dele também moravam na residência, mas não estavam no local no momento do incêndio. A Polícia Civil trabalha para entender o motivo do crime e qual era o grau de relação dos homens. Segundo o delegado Marino Franceschi, testemunhas devem ser ouvidas nos próximos dias.


Moura era médico no Hospital Santa Terezinha e o Hospital da Caridade, que manifestaram pesar pelo ocorrido.


Fonte: GZH Passo Fundo

Foto: Corpo de


Comments


bottom of page