top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Região foi contemplada com leitos calamidade para hospitais


Após solicitação da Secretaria da Saúde (SES) e de secretarias municipais, o Ministério da Saúde destinou R$ 32 milhões para a abertura imediata de 594 leitos hospitalares no Rio Grande do Sul. Chamadas de Leitos de Calamidade, as novas vagas vão receber pacientes de regiões onde os hospitais foram atingidos parcial ou totalmente pelas enchentes de maio. O repasse dos recursos, em parcela única, foi publicado em uma portaria na terça-feira, 11 de junho.


Os valores foram solicitados pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), em reunião realizada em 3 de junho, diante da necessidade de atender à lacuna deixada pelos hospitais atingidos pelas enchentes que ainda não recuperaram a capacidade plena de atendimento. A CIB é formada pela SES e por secretarias municipais de saúde. De acordo com a portaria, os Leitos de Calamidade devem ficar ativos até outubro.


Na região os hospitais de Chapada, Panambi, Rodeio Bonito, Ronda Alta, Seberi e Tenente Portela foram contemplados. Também estão na lista as casas de saúde de Ijuí e Passo Fundo que atendem a região.


Do total dos recursos, R$ 18,8 milhões serão destinados ao Estado para a abertura de 349 leitos nos hospitais que administra. O município de Porto Alegre terá 50 leitos a mais, recebendo R$ 2,7 milhões. Outros R$ 2,1 milhões serão pagos a Pelotas para a abertura de 40 leitos.


Vagas da região e recursos destinados


Crissiumal – Hospital de Caridade: 5 leitos – R$ 270 mil


Ijuí – Hospital Bom Pastor: 14 leitos – R$ 756 mil


Panambi – Hospital Panambi: 4 leitos- R$ 216 mil


Passo Fundo – Hospital de Clínicas: 10 leitos – R$ 540 mil


Rodeio Bonito – Hospital São José: 5 leitos – R$ 270 mil


Ronda Alta – Assoc. Trabalhadores de Ronda Alta: 10 leitos – R$ 540 mil


Santa Rosa – Hospital Vida e Saúde: 10 leitos – R$ 540 mil


Seberi – Hospital Pio XII: 10 leitos – R$ 540 mil


Tenente Portela – Hospital Santo Antônio: 10 leitos – R$ 540 mil


Fonte: Secretaria de Saúde do RS

Comments


bottom of page