redefort supersacolao.jpg
banner p.o.jpg
banner-hanauer-PO.png
viatec.png
rm-energia.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
peixoto_instaladora.png
mecaninca jaime 1000x250.jpg
sicredi.jpg
WS ESCAVAÇÕES 1000x250.jpg
loterica 1000x250 (2).jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg

Recém-nascida que foi arremessada para fora de ônibus em Panambi é adotada


Uma família adotou Ana Vitória, bebê que havia sido abandonada dentro de uma sacola em uma rua de Panambi, em junho de 2021. Câmeras de segurança ajudaram a polícia a descobrir que ela havia sido arremessada pela janela de um ônibus.


A menina estava sob os cuidados do Conselho Tutelar de Panambi e a adoção foi confirmada pela Associação de Voluntários Casa de Passagem da cidade, onde ela recebeu cuidados na época.


Por questão de segurança, o Estatuto da Criança e do Adolescente limita a quantidade de informações que podem ser divulgadas sobre a adoção. É uma medida que busca preservar tanto Ana Vitória quanto a família que adotou ela. Por isso, não foi divulgado quem é a família ou onde ela reside. Houve a garantia, no entanto, de que Ana está bem.


A bebê foi localizada pela Brigada Militar dentro de uma sacola, no começo da manhã do dia 30 de junho de 2021. A temperatura na região, durante aquela madrugada, chegou a 3,4ºC.


A Polícia Civil, por meio de câmeras de segurança, viu o momento em que a bebê foi arremessada para fora de um ônibus que fazia uma linha intermunicipal.


Por meio de investigação, descobriu que quem havia arremessado a bebê foi a mãe biológica, na época com 20 anos. Ela confessou o crime justificando que havia escondido a gravidez da família, pois não sabia quem era o pai, e não tinha condições de criar a filha.


Ela foi responsabilizada por tentativa de homicídio triplamente qualificado e está presa.


Fonte: G1/RS


600 visualizações0 comentário