top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Polícia de Portela segue investigando caso suspeito de negligência


Na foto a mãe aparece com seu bebê, ainda vivo, em seu colo / Foto: Divulgação

Um inquérito da polícia que investiga a morte de um bebê de colo de 6 meses, Alexandre Locatelli de Carvalho, aguarda ainda o resultado de oitivas e perícias solicitadas pela Delegacia de Polícia de Tenente Portela para ter seguimento nas investigações. A mãe do menino, Aline Machado Locatelli, aponta médicos e enfermeiros do Hospital Santo Antônio por negligência médica no atendimento a seu filho que faleceu no ínicio da tarde do dia 23 de outubro. Ela registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia e expôs nas redes sociais diversos vídeos gravados por ela referente ao atendimento, desde a entrada no hospital até o falecimento de seu filho. O site Portela Online questionou o Delegado de Polícia de Tenente Portela, Roberto Fagundes Audino, sobre o andamento do caso. A autoridade policial disse por mensagem de Whatsapp que ainda está coletando depoimentos e aguardando o resultados de perícias antes de realizar qualquer apontamento.


Conversa com o Delegado de Polícia: Tem indícios de negligência médica? "Instauramos Inquérito Policial. Solicitamos o prontuário médico e exames realizados na vítima. Estamos ouvindo os médico e enfermeiros que participaram do atendimento e de posse de todos os documentos e oitivas, encaminharemos tudo para a realização de perícia para verificação se houve falhas ou erros no procedimento adotado pela equipe ou por uma pessoa específica. Mas ainda não temos todas as oitivas, então ainda não encaminhamos para a perícia." O material que ela produziu (vídeos) tem validade como prova? "Sim…mas esses vídeos também serão analisados pela perícia em conjunto com os demais documentos." Manifestação do Hospital Santo Antônio nas redes sociais

No dia 28 de outubro uma nota de esclarecimento foi publicado na conta do Instagram do Hospital Santo Antônio. No documento a casa de saúde se defende e diz que o falecimento da criança não decorreu falta de atendimento ou negligência e se coloca a disposição das autoridades para averiguação e investigação.

Postagem realizada pela mãe no Facebook Clicando aqui você será direcionado para a postagem realizada por Aline em suas redes sociais.




Comments


bottom of page