redefort supersacolao.jpg
banner p.o.jpg
banner-hanauer-PO.png
viatec.png
rm-energia.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
peixoto_instaladora.png
mecaninca jaime 1000x250.jpg
sicredi.jpg
WS ESCAVAÇÕES 1000x250.jpg
loterica 1000x250 (2).jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg

Nonoai amplia ações de acolhimento de imigrantes


A Administração Municipal de Nonoai informou que está ampliando o programa de atendimento dos imigrantes que residem no município. A iniciativa atende, atualmente, 75 famílias (um total de 450 pessoas), a maioria venezuelanos. Segundo a prefeita Adriane Perin de Oliveira, é feito um trabalho de acolhimento e organização das pessoas de outros países, que chegam à cidade nos últimos anos, em busca de uma oportunidade de trabalho e melhores condições de vida.


“Entre as propostas de serviços para melhor atender os imigrantes está a realização de curso de sensibilização e atendimento humanitário aos servidores municipais, promoção de oficina de língua portuguesa, oficina de auxiliar de cabeleireiro, além da realização de cursos profissionalizantes na área comercial e industrial”, disse.


Adriane informa, ainda, que também são realizados cursos de informática básica, bem como curso de espanhol básico para servidores municipais, a fim de facilitar a comunicação. Há também a preocupação em orientar os imigrantes para que cumpram com a legislação brasileira.


A prefeita informou que Nonoai foi um dos poucos municípios brasileiros que recebeu recursos do ministério da Cidadania, num montante de R$ 360 mil, para assistir e apoiar essa população. “Nós mudamos nosso plano de trabalho para, ao invés de simplesmente acolher, também capacitá-los para o mercado de trabalho”.


A maioria dos imigrantes que chegaram em Nonoai trabalham em frigoríficos.


Fonte: Correio do Povo

Foto: Prefeitura de Nonoai

114 visualizações0 comentário