top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Mais de 500 Kg de alimentos impróprios para o consumo foram aprendidos em Sete de Setembro


Agentes do Programa Segurança Alimentar RS fiscalizaram nesta quarta-feira, 15 de março, três estabelecimentos no município de Sete de Setembro, na Região das Missões. Foram apreendidos e inutilizados 522,9 kg de alimentos e produtos impróprios para consumo e comercialização. Todos os locais foram autuados, sendo um totalmente interditado.


Conforme o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco – Segurança Alimentar), promotor de Justiça Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, os principais problemas encontrados foram alimentos com a validade vencida e/ou com a validade recortada da embalagem, sem procedência, armazenados de forma inadequada, além de cachaça e ovos coloniais e banha sem inspeção.


Outros produtos irregulares, como álcool de venda proibida em mercados e venenos de rato, foram apreendidos. O local interditado, onde era realizada a atividade de padaria e restaurante, apresentou péssimas condições de higiene, inclusive com felinos se locomovendo na área de produção da padaria.


A operação ainda contou com a presença do promotor de Justiça substituto de Guarani das Missões, Rodrigo Alberto Wolf Piton; servidores do Gaeco – Segurança Alimentar; representantes da Vigilância Sanitária Municipal de Sete de Setembro; Secretaria Estadual da Saúde; Secretaria da Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação (Seapi), Delegacia de Polícia de Proteção ao Consumidor (Decon) e da Patrulha Ambiental da Brigada Militar (Patram).


Fonte e foto: MP/RS


Kommentit


bottom of page