top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Mais de 50 municípios do RS foram atingidos por ciclone extratropical, diz novo balanço da Defesa Ci


Cinquenta e cinco municípios foram afetados pelo ciclone extratropical que atingiu o Rio Grande do Sul, conforme atualização divulgada pela Defesa Civil nesta quarta-feira (21). O governo do estado definiu o acontecimento como o maior desastre natural relacionado a chuvas dos últimos 40 anos. (Veja lista de cidade abaixo) De acordo com as autoridades, 16 pessoas morreram em decorrência da passagem do ciclone. São 14.836 pessoas desalojadas e 1.520 desabrigados.


Municípios atingidos

Maquiné

Caxias do Sul

Gramado

Bento Gonçalves

Carlos Barbosa

Venâncio Aires

Tupandi

Santo Antônio da Patrulha

Caraá

São Sebastião do Caí

Sapiranga

Nova Pádua

Nova Petrópolis

São José do Hortêncio

São José do Sul

Nova Bréscia

Estrela

Imigrante

Morrinhos do Sul

Parobé

Três Cachoeiras

Gravataí

Três Forquilhas

Itati

São Leopoldo

Mampituba

Maratá

Vale Real

Cidreira

Sapucaia do Sul

Capela de Santana

Osório

Dois Irmãos

Araricá

Taquara

Nova Hartz

Novo Hamburgo

Lindolfo Collor

Capão da Canoa

Bom Princípio

Esteio

Campo Bom

Montenegro

Riozinho

Terra de Areia

Igrejinha

Paverama

Harmonia

Portão

Rolante

Cachoeirinha

Feliz

Santa Maria do Erval

Glorinha

Brochier


Canais oficiais

Porto Alegre - A prefeitura informa que o ginásio do Demhab, no Bairro Santana, está aberto para acolher e alimentar quem precisar.


O que doar: alimentos, cobertores e produtos de higiene. Em casos de emergência, a administração municipal pede que a população ligue para os telefones 199 ou 193.


Locais que recebem as doações:


Coordenação da Defesa Civil - Doutor Barcellos 1691, bairro Camaquã

Paço Municipal - Praça Montevidéu, 10 – Centro Histórico

Centro Administrativo Municipal - rua Gen. João Manoel, 157 – Centro Histórico

Algumas unidades do hipermercado Zaffari

Caraá - Um abrigo comunitário foi aberto em frente à sede da prefeitura. O local tem capacidade para atender cerca de 350 pessoas.


A cidade precisa principalmente de alimentos (azeite, feijão, açúcar, farinha de trigo, café, massa), velas, fósforos, água potável, produtos de limpeza, sabonetes, escovas de dente, papel higiênico, absorventes, meias, roupas íntimas, cobertores e travesseiros.


Canoas - A prefeitura municipal informou que o ginásio da Escola Municipal de Ensino fundamental Prof. Thiago Würt (Av. Rio Grande do Sul, 4340) e o ginásio da Escola Municipal de Ensino Fundamental Paulo VI (Av. Eng Irineu Carvalho Braga, 2781) estão abertos para receber a população desabrigada pelas chuvas.


A Defesa Civil da cidade listou o que as famílias mais precisam nesse momento: cobertas, alimentos, calçados infantis (abaixo da numeração 34) e roupas masculinas, que estão com baixa doação.


Locais que recebem as doações:


Defesa Civil - Rua Bandeirantes, 450, bairro Nossa Senhora das Graças

Corpo de Bombeiros - Av. Santos Ferreira, 965, bairro Marechal Rondon

Sede da Guarda Municipal - Rua Humaitá, 1130, Nossa Senhora das Graças

15º Batalhão de Polícia Militar - Av. Santos Ferreira, 4321, Estância Velha (Aberto 24 horas)

Pontos de doações da Campanha do Agasalho

Lindolfo Collor - Associação de Bairros Boa Vista (R. José Feldmann, 123) está acolhendo os desabrigados.


A prefeitura emitiu um comunicado informando que no momento não há necessidade de doações de alimentos e agasalhos. Aa famílias precisam agora de kits de limpeza, colchões e também está sendo arrecadado materiais escolares e móveis.


Locais que recebem as doações:


CRAS - Av. Capivara, 1450, Centro

Igreja Luterana - bairro 48 Baixa

Escola Municipal de Ensino Fundamental Meno Dhein - Rua Nova Prata, 101

Sapiranga - As famílias atingidas estão sendo abrigadas no ginásio da escola Doutor Décio Gomes Pereira, na Rua Pres. Kenedy, 2222.


Os donativos necessários no momento são: alimentos, roupas de cama, cobertores, colchões, toalhas de banho e produtos de limpeza.


Local que recebe as doações:


Assistência Social de Sapiranga - Av. 20 de Setembro, 3066

Novo Hamburgo - A Defesa Civil do município pode ser contatada pelos telefones 3587-7863/3097-9408. Desabrigados estão sendo recebidos na Base de Ações Comunitárias Integradas (BACI) do bairro Santo Afonso (Rua Buenos Aires, 217), na Escola Municipal Arnaldo Grin (Rua Montevidéu, 902), na Escola Municipal Martha Wartenberg (Rua Sílvio Gilberto Christmann, 1351) e na Igreja Merivan em Lomba Grande.



A prefeitura da cidade informou que não há mais a necessidade de doações de roupas. As famílias seguem precisando de: colchões, cobertores, alimentos e materiais de higiene pessoal e de limpeza.


Local que recebe as doações:


FENAC - R. Araxá, 505

São Leopoldo - A prefeitura recebe as famílias desabrigadas no Ginásio Municipal Celso Morbach (Av. Dom João Becker, 313). A Defesa Civil de São Leopoldo atende pelos telefones (51) 99117-8291 e (51) 98924-7852. O telefone (51) 2200-0633 funciona somente em horário comercial, informa a prefeitura.


Os donativos que a cidade mais precisa nesse momento são: detergente, água sanitária, sabão em pó, sacos plásticos grandes, rodo de chão, cobertores, colchões e coleiras (para os animais encontrados).


Locais que recebem as doações:


Cras Centro - Av João Corrêa, 1.350, 2º andar, Centro

Cras Leste - Rua Arthur Georg, 90, Feitoria

Cras Norte - Av. Henrique Bier, 2043, Campina

Cras Nordeste - Av. Mauá, 2141, Santos Dumont

Cras Oeste - Rua Vicentina Maria Fidélis, 350, Vicentina (Parque do Trabalhador).

Capão da Canoa - A Defesa Civil de Capão da Canoa informa que a população que necessitar de ajuda pode entrar em contato pelo telefone (51) 9 9206-9452.


A prefeitura do município está recebendo doações de agasalhos, cobertores e calçados.


Local que recebe as doações:


Av. Orestes Clemente Serra, 1328

Taquara - As famílias estão abrigadas no ginásio da Escola Estadual de Ensino Médio Willibaldo Bernardo Samrsla. Desalojados ou desabrigados pode entrar em contato com a Defesa Civil pelo WhatsApp (51) 99303-8172.


A prioridade no momento são produtos de limpeza, assim como fraldas infantis tamanho G.


Local que recebe as doações:


Escola Willibaldo Samrsla (CIEP) - Rua Osvaldo Cruz, 225, bairro Empresa.

Ivoti - Prefeitura da cidade publicou nas redes sociais que estão arrecadando móveis e eletrodomésticos para ajudar as famílias reconstruírem suas casas. Quem puder ajudar pode entrar em contato, via whatsapp pelo número (51) 99878-8513.


Além disso, roupas, alimentos, colchões, cobertores, água potável, materiais de limpeza e agasalhos podem ser doados também para as famílias atingidas.


Locais que recebem as doações:


Instituto Ivoti - Rua Pastor Ernesto Schlieper, 200

Bombeiros de Ivoti - Av. Bom Jardim, 800

Ginásio da Comunidade Católica - Av. Pres. Lucena, 3637

Portão - Os contatos disponibilizados para emergências e informações são o (51) 99729-7505 (Defesa Civil) e o (51) 99575-7665 (Central de Doações).


A prefeitura da cidade não está mais recebendo agasalhos e cobertores, pois recebeu já uma grande quantidade. Produtos de limpeza (rodos, vassouras, água sanitária, detergente) e produtos de higiene (shampoo, sabonete, pasta de dente, escova de dente).



Além disso, as famílias tentam reconstruir suas casas e estão aceitando doações de móveis e eletrodomésticos. Quem puder doar pode contar a central de doações pelo telefone (51) 99703-9243.


Local que recebe as doações:


Centro de Eventos - Rua 9 de Outubro, 190

Montenegro - As famílias desabrigadas seguem no Ginásio do Sesc, na rua Cap. Porfírio, 2295. Os números de emergências disponíveis são o 193 (Corpo de Bombeiros) e 153 (Defesa Civil).


A prefeitura da cidade já arrecadou muitos agasalhos e alimentos, por esse motivo destaca que a prioridade agora são produtos de limpeza e higiene e colchões.


Quem tiver móveis e eletrodomésticos, em boas condições, para doar pode ligar pode contatar a equipe da prefeitura, através do número (51) 99654-5346.


Local que recebe as doações:


Ginásio do Bairro Cinco de Maio

Defesa Civil do RS - A Defesa Civil afirma que está com equipes atuando em todo o RS, em especial nas regiões da Serra e do Litoral Norte. Para solicitar apoio ou socorro, os números de emergência são 193 (Corpo de Bombeiros Militar) e 190 (Brigada Militar).


Estão sendo recebidas doações. Os itens prioritários são cobertores, materiais de higiene pessoal e de limpeza e alimentos não perecíveis.


Onde doar:


Central de Doações da Defesa Civil do RS, no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff)

Palácio Piratini;

Quartéis da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros Militar;

Prefeituras;

Secretaria de Assistência Social do Estado;

Procuradoria-geral do Estado;

Supermercados da Rede Zaffari/Bourbon;

Secretaria da Segurança Pública;

Unidades do SESC;

Secretaria de Estado de Esporte e Lazer;

Banco do Brasil (ponto de coleta em 36 agências em Porto Alegre, Viamão, Alvorada e Guaíba);

Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem;

Cruz Azul;

Verte Saúde. Fonte: G1 - RS

Comments


bottom of page