redefort supersacolao.jpg
banner p.o.jpg
banner-hanauer-PO.png
viatec.png
rm-energia.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
peixoto_instaladora.png
mecaninca jaime 1000x250.jpg
sicredi.jpg
WS ESCAVAÇÕES 1000x250.jpg
loterica 1000x250 (2).jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg

Maio começa sem mortes por Covid no RS; 917 novos casos são registrados


O mês de maio começou sem o registro de mortes por Covid-19 no Estado. A Secretaria Estadual da Saúde (SES) informou 917 novos casos neste domingo (1). Abril terminou com 245 mortes pela doença, o menor índice desde maio de 2020, quando foram notificadas 166 vítimas.


O número representou queda de 68% em relação ao mês anterior, quando foram contabilizados 777 óbitos. Ao todo, o estado tem 39.294 vítimas da doença na pandemia.


O Rio Grande do Sul contabiliza, no total, 2.337.798 infecções conhecidas de coronavírus desde o começo da pandemia. O número de pessoas com o vírus ativo no organismo e que estão em recuperação baixou para 11.692 mil, ou seja, 1% do total de casos.


Outras 2.286.686 pessoas são consideradas recuperadas (98%). Já a taxa de letalidade aparente, que é a proporção de mortes entre casos conhecidos, segue em 1,7%.


Hospitalizações


A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Rio Grande do Sul se manteve em 68%, com 1.743 pacientes em 2.563 vagas, 14 a mais do que no sábado (30). Com Covid, entretanto, são 78 com confirmação e 60 com suspeita.


Já nos leitos clínicos, de acordo com a atualização deste domingo da SES, 229 pacientes têm confirmação e 121 estão com suspeita de Covid.


Os leitos particulares apresentam 78,5% de lotação, abaixo do nível considerado crítico. A ocupação dos leitos pelo SUS estava em 63,8%.


Vacinação


A SES passou a considerar esquema vacinal completo as pessoas com a dose de reforço atualizada. Logo, o estado soma 4.737.418 pessoas, ou seja, 41,4% da população, com o esquema com três doses ou duas, para quem recebeu a primeira da Janssen.


Nenhuma criança ou adolescente morreu por efeito da vacina, aponta Ministério da Saúde


Além disso, outras 177.718 mil doses adicionais foram aplicadas em pessoas com baixa imunidade e outras 72 mil como doses de reforço ou quarta dose.


Apesar disso, 2,9 milhões de pessoas estão com o reforço em atraso, além de 748 mil que sequer completaram o esquema vacinal primário.


Mapa da vacinação: veja a situação em cada estado


O consórcio de veículos de imprensa utiliza dados atualizados do IBGE. Logo, os dados podem diferir levemente dos levantamentos oficiais das secretarias de Saúde.


G1/RS

106 visualizações0 comentário