top of page
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Leandro Boldrini não prestou depoimento e júri deve ter sua sentença nesta tarde de quinta-feira


O réu Leandro Boldrini não prestou depoimento neste último dia do júri que acontece em Três Passos. Após avaliação médica, a juíza Sucilene Engler Audino anunciou que ele não participaria do interrogatório. Desta forma, Boldrini novamente não está no plenário pelo terceiro dia seguido. Ele esteve no salão do júri apenas no primeiro dia.


O réu foi dispensado dos trabalhos e, provavelmente, conduzido à penitenciária modulada de Ijuí. Na chegada ao Fórum de Três Passos, o advogado de defesa Ezequiel Vetoretti afirmou que, se Leandro estivesse bem de saúde, iria responder a todas as perguntas. No entanto, alguns minutos depois, veio a confirmação de que ele não irá falar.


Sem o depoimento, o júri seguiu direto à fase dos debates entre Ministério Público e a defesa. Pouco depois das 10h a sessão foi iniciada. As partes têm até 5 horas no total para defender suas teses. Inicialmente, os promotores possuem tempo de 1h30min para argumentação. Depois, a defesa pode se utilizar também de 1h30min.


Ambas as partes ainda dispõem de um tempo para réplica e tréplica de 1h, tanto para o Ministério Público como para a defesa do réu. Na sequência, o conselho de sentença se reúne para julgar se Boldrini é culpado ou não pela morte de Bernardo. Após a votação, em caso de condenação, a magistrada estipula a sentença do réu e a lê em plenário.


A expectativa é de que o júri tenha o seu desfecho até o final da tarde desta quinta-feira.


Fonte: Rádio Alto Uruguai

Foto: Maiara Räder/Rádio Alto Uruguai


Comments


bottom of page