top of page
3ebba40b-56eb-417d-8d38-a31d3cc90688.jpg
oeste pneus.jpg
cresol.jpg
RM banner 1000x250.jpg
sicoob.jpg
abegg.jpg
sicredi.jpg
IMG_7261.JPG
banner p.o.jpg

Após sofrerem ameaças, indigenista e jornalista inglês estão desaparecidos na Amazônia


A Marinha do Brasil enviou nesta segunda-feira (6) uma equipe para procurar o indigenista brasileiro e o jornalista inglês desaparecidos na Amazônia. A corporação será a responsável por conduzir as atividades de busca na região por meio do Comando de Operações Navais.


O servidor licenciado da Fundação Nacional do Índio (Funai) Bruno Araújo Pereira e o jornalista Dom Phillips, colaborador do jornal "The Guardian", sumiram na região do município de Atalaia do Norte (AM) no domingo (5).


O caso é investigado pela Polícia Federal (PF). A Funai também acompanha a situação e está em contato com as forças de segurança que atuam na região. Segundo a entidade, Pereira não estava em missão institucional.


Phillips viajava pela terra indígena acompanhado por Bruno. Eles foram vistos pela última vez quando chegaram na comunidade ribeirinha São Rafael por volta das 6h de domingo. De lá, eles partiram rumo a Atalaia do Norte, viagem que dura aproximadamente duas horas, mas não chegaram ao destino.


Segundo o jornal "The Guardian", Phillips está trabalhando em um livro sobre meio ambiente com apoio da Fundação Alicia Patterson. Ele mora em Salvador e faz reportagens sobre o Brasil há mais de 15 anos para veículos como "Washington Post", "New York Times" e "Financial Times".


De acordo com informações da União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja), o servidor da Funai recebia constantes ameaças de madeireiros, garimpeiros e pescadores.


Em nota divulgada nesta segunda-feira, a entidade diz que Bruno Pereira é "experiente e profundo conhecedor da região, pois foi coordenador regional da Funai de Atalaia do Norte por anos". Eles viajavam em uma embarcação nova, de 40 cavalos, e 70 litros de gasolina, o suficiente para a viagem.


Leia a íntegra da nota da Marinha:


A Marinha do Brasil informa que tomou conhecimento no fim da manhã desta segunda (6) do desaparecimento de uma embarcação de pequeno porte, em Atalaia do Norte (AM), próximo à comunidades São Rafael.


Uma equipe de Busca e Salvamento (SAR), subordinada à Capitania Fluvial de Tabatinga foi direcionada ao local de ocorrência.


Fonte: G1

Foto: Montagem com fotos do indigenista brasileiro Bruno Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips — Foto: Divulgação/Funai e Reprodução Twitter/@domphillips

358 visualizações0 comentário
bottom of page