Delegacia de Polícia de Tenente Portela só registrará casos graves

 

Delegacia de Polícia de Tenente Portela / Foto: Fernando Krug – Portela Online

A Delegacia de Polícia Civil de Tenente Portela divulgou uma nota na manhã desta segunda-feira, 31 de julho, alertando a população que enquanto os salários dos servidores não forem pagos na sua integralidade somente registrará os casos mais graves.

O Governo do estado divulgou na última sexta-feira que hoje estaria depositando apenas R$ 650,00 do salário dos servidores alegando não ter dinheiro em  caixa.

Este é o 18º parcelamento consecutivo feito pelo Piratini. A previsão do governo é quitar o restante dos vencimentos até o dia 15 de agosto.

A restrição no atendimento é uma forma de protesto por parte dos servidores atingidos.

Confira a nota na íntegra:

“Devido a não integralização do salário do mês de Julho do corrente, a Delegacia de Polícia de Tenente Portela comunica que somente estará registrando ocorrência de natureza grave, como homicídios, latrocínios, estupros, acidente com morte, e roubos(assaltos). Após a integralização do salário, as atividades voltarão ao normal.”

Comente pelo Facebook

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA