Gilmar Mendes vota contra cassação e chapa Dilma-Temer é absolvida pelo Tribunal Superior Eleitoral

 

Gilmar Mendes desempatou a votação no TSE a favor da absolvição | Foto: José Cruz / Agência Brasil

Por 4 votos a 3, o Superior Eleitoral absolveu a chapa Dilma-Temer de ser cassada por abuso do poder econômico. O voto de Minerva (desempate) foi proferido pelo presidente do Tribunal, ministro Gilmar Mendes. Votaram pela cassação o relator, Luiz Fux e Rosa Weber. Napoleão, Tarcisio e Admar pela absolvição. Com a decisão, Michel Temer segue na Presidência da República e Dilma Rousseff não perde seus direitos políticos.

Comente pelo Facebook

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA