Entrelinhas : A “caca” no ventilador – Por Marlene Staub

 

A “CACA” NO VENTILADOR

Denúncia é a palavra mais ouvida nos últimos meses nesse país e é quase parte da rotina diária ficar sabendo de mais escândalos na política brasileira. E pensar que algum tempo atrás se acreditava em alguns deles…

Hoje a classe política está totalmente desacreditada e não é culpa do povo não. A corrupção, que provavelmente sempre existiu, tomou proporções inimagináveis e foi escancarada para o mundo todo ficar sabendo.

Vergonha! Indignação! Revolta! Esses são os sentimentos da moda para duzentos milhões de pessoas, a maioria de trabalhadores que geram a renda desse país.

A “caca” está sendo jogada no ventilador e exala uma podridão que invade a vida de cada cidadão. Ninguém gosta de ser enganado, explorado, roubado… E o povo brasileiro foi. E como foi.  Em nome de uma ganância desmedida por dinheiro e por poder, quem geralmente pagou a conta foi o outro lado.

Parece que agora basta. Que finalmente pagará quem deve de verdade. Ou não. Afinal a tal “delação” premia corruptos. Alguns chamariam isso de “um mal necessário”. Outros mais pessimistas (ou realistas) dirão que os tais delatores poderão ser a semente que germinará produzindo novas estratégias de autobenefício nos meios públicos. Pior. Equivocadamente delatores podem ser vistos como heróis. Mas heróis não se aliam à escória, não precisam de acordos para dizer verdades, não esperam a forca para se “arrepender” dos maus passos.

Não cabe ao momento sentir contentamento pela queda deste ou daquele. Há sim que se sentir insegurança, pois o país foi colocado numa gangorra e está desequilibrado. Isso tanto econômica, como política e moralmente. Um país sem rumo, desgovernado (no duplo sentido da palavra).

E salvá-lo não será tarefa fácil, muito menos rápida. Mais difícil ainda será encontrar candidatos a fazê-lo de forma íntegra e com caráter intacto, pois circula de boca em boca que por aqui ninguém nasce santo. Será?

Por Marlene Staub

Comente pelo Facebook

1 COMENTÁRIO

  1. Texto muito bom Marlene. Você retrata as verdades de uma forma gostosa de se ler, até quando se trata de uma “caca no ventilador”.

DEIXE UMA RESPOSTA